Mulher contratou "strippers" para festa de filho menor

Mulher contratou "strippers" para festa de filho menor
Uma mulher norte-americana foi detida e acusada de pôr em perigo o bem-estar de menores por ter contratado duas 'strippers' para a festa de aniversário do seu filho de 16 anos, avançaram, esta quarta-feira, meios de comunicação locais.

Norte-americana detida por Judith Viger, de 33 anos, foi detida segunda-feira em Gansevoort, uma pequena localidade no centro do estado de Nova Iorque, segundo a agência de notícias EFE.
A festa ocorreu no passado dia03 de novembro numa pista de bólingue e a denúncia surgiu depois de os pais de um dos menores presentes na festa terem visto fotos do evento na conta de Facebook do seu filho.
A mãe do aniversariante foi acusada do crime de pôr em perigo o bem-estar de menores, por organizar a festa e contratar a pagar a duas bailarinas exóticas, que realizaram "danças íntimas" para cinco jovens menores de 17 anos (o mais novo tinha 13 anos), assinalou hoje o jornal Daily News.
Na festa participaram cerca de 80 pessoas, mas durante o evento não houve qualquer denúncia.
Uma foto divulgada por um dos pais denunciantes mostra uma das bailarinas, vestida com roupa interior "sexy" e numa posição erótica sobre um dos assistentes.
Se for declarada culpada, Judith Viger pode ser condenada até um ano de prisão.

Gostou? Partilhe...

Posts Relacionados

Mulher contratou "strippers" para festa de filho menor
4/ 5
Oleh
Página inicial